Informações, análises e comentários do jornalista
José Luiz Bittencourt sobre política, cultura e economia

07 out

Em postagem agora há pouco no Instagram, ex-primeira dama Valéria Perillo usa versos de Cora Coralina para admitir a derrota de Marconi e prometer um “recomeço”

Em postagem agora há pouco no seu perfil pessoal no Instagram, a ex-primeira dama Valéria Perillo recorreu a versos da poeta goiana Cora Coralina para admitir a derrota do seu marido e candidato ao Senado Marconi Perillo e prometer um “recomeço”.

 

Na noite deste sábado, duas pesquisas de credibilidade – a do Ibope e a do Serpes – apontaram para a vitória de Vanderlan Cardoso e Jorge Kajuru na corrida pelas duas vagas senatoriais, além do triunfo de Ronaldo Caiado já no 1º turno na disputa pelo governo do Estado.

 

Ilustrado por uma foto escolhida a dedo de Valéria, em que ela mostra um semblante confiante e desafiador, o poema de Cora Coralina diz: “Eu sou aquela mulher a quem o tempo muito ensinou. / Ensinou a amar a vida e não desistir da luta, / recomeçar na derrota, renunciar a palavras e pensamentos negativos / acreditar nos valores humanos e ser otimista”.

 

É a queda.