Informações, análises e comentários do jornalista
José Luiz Bittencourt sobre política, cultura e economia

09 set

Zé Eliton não decola e puxa Marconi e Lúcia Vânia para o buraco. Marconi é o mais rejeitado e intoxica a candidatura do Zé e de Lúcia. Chapa tucana é um desastre anunciado que pode levar todos à derrota

Um resultado que até então não era previsto nem como hipótese distante para o desfecho da eleição começa a ser admitido como possível, a partir da pesquisa Serpes/O Popular deste domingo, mostrando Zé Eliton estagnado e Marconi embolado com Jorge Kajuru, Lúcia Vânia e Vanderlan Cardoso na disputa pelo Senado. Além disso, trazendo o tucano-chefe como o nome mais rejeitado, dentre todos os candidatos majoritários.

 

A novidade que a pesquisa introduz é a perspectiva de derrota para toda a chapa liderada pelo PSDB. Zé puxa Marconi e Lúcia para o buraco. Marconi, com a sua monumental rejeição, enterra Zé e, ao se enfraquecer, abre caminho para Kajuru e Vanderlan, desidratando também Lúcia. Entre uns e outros, a chapa toda vai para o brejo.

 

Pois é isso que pode acontecer, a partir das revelações da pesquisa Serpes/O Popular. Um desastre anunciado como poucas vezes se viu em qualquer eleição, em qualquer parte do país.