Informações, análises e comentários do jornalista
José Luiz Bittencourt sobre política, cultura e economia

07 out

Ruim de voto: empate técnico com Kátia Maria, do PT, na última pesquisa Serpes e possibilidade de ficar em 3º ou 4º lugar nas urnas, é o vexame final que ninguém imaginava para a candidatura de Zé Eliton

O vexame final projetado para a candidatura de Zé Eliton, assim que as urnas começarem a cantar na noite deste domingo, irá muito além do que se imaginava: Zé, na última pesquisa Serpes/O Popular, caiu para 7,6% das intenções de voto dos goianos e entrou em empate técnico com Kátia Maria, do PT, que subiu para 5,9%, passando os dois a disputar o 3º lugar – e com Daniel Vilela na 2ª colocação.

 

Zé é ruim de voto mesmo. Os números do Serpes indicam que ele pode terminar em 4º lugar, pior colocação em que um candidato governista jamais foi colocado em qualquer eleição já realizada em Goiás. Ninguém aqui no Estado nunca viu nada parecido.